Pintura Barroca – Meus primeiros contatos…

Meus primeiros contatos com a técnica de Pintura Barroca em Madeira foram literalmente apaixonantes…
Vi, achei lindo, queria fazer igual e não larguei mais… 🙂

Eu, que mesmo no comecinho da minha carreira – e como toda boa artesã – já acompanhava tudo que havia em matéria de publicações sobre artesanato era “fã de carteirinha” das revistas Manequim e Cláudia. Elas sempre traziam matérias sobre trabalhos manuais, que eu adorava. Depois a Abril, que também as editava, lançou a Arte em Casa, exclusiva de trabalhos manuais, e, creio eu, a primeira revista com esse perfil que tivemos. Em seguida vieram as excelentes Faça Fácil, editada originalmente pela Editora Globo e um pouco mais tarde a Mãos de Ouro, da Editora Nova Cultural. Eu não perdia nenhuma número delas, todos os meses estava lá nas bancas, atrás das minhas fontes de inspiração e referências…

De todas as lembranças daquele tempo (meados e final dos anos 80, começo dos 90), uma das mais queridas para mim era um encarte especial que a revista Manequim trazia e que se chamava “Ateliê Manequim”. Os encartes eram numerados, e vinham com as edições mensais da revista. Não sei exatamente quantos eles publicaram, talvez uns 30, ou um pouco mais… Eu tenho alguns, mas não muitos, infelizmente…

Os temas eram os mais variados: pinturas em geral, decoupage, bordados, velas, sabonetes, bijuterias, latonagem, cartonagem, biscuit, flores de tecido e até xilogravura e serigrafia! Sim, acreditem, as editoras Malu Vianna e Rita Paiva, que trabalhavam na Abril na época, faziam coisas inacreditáveis!

Não preciso nem dizer que esse fascículo abaixo, o de Barroco Brasileiro é um dos meus preferidos…

As peças da edição foram feitas pela minha primeira professora de pintura em madeira, a Prof. Norma Donato, que tinha um ateliê muito simpático em suas casa, no bairro de Perdizes, aqui em São Paulo. Tive a sorte de poder aprender algumas técnicas com essa que foi, certamente, uma das maiores mestras do artesanato que já tivemos.

O encarte, com 8 páginas, trazia sempre um passo a passo, informações detalhadas da técnica e muitas fotos com sugestões. Era uma verdadeiro achado!

Dediquei muitas horas de trabalho a me aperfeiçoar com as técnicas ali ensinadas… sofri um pouco, errei um tanto, mas fui fazendo, fazendo, fazendo até conseguir me sentir bem à vontade para criar minhas primeiras peças e produções também. Mais tarde, com meu ateliê já montado, fiz minha primeira série de apostilas com as minhas técnicas, e uma delas, que ainda produzo até hoje, é a de Bauernmalerei e Pintura Barroca (veja link ao lado).

É muito bom olhar para essas coisas que fazem parte da nossa história, não é mesmo?

Esse ano estou decidida: é hora de criar uma nova série de publicações com esse tema… e já estou trabalhando nisso, podem aguardar que as novidades em breve estarão por aqui…

E se você é APAIXONADA (O) por Bauern como eu, entre na minha página dedicada à essa pintura no facebook e fique sabendo das novidades em primeira mão. O endereço é o:
https://www.facebook.com/BauernmalereiComCristinaBottallo


Um comentário sobre “Pintura Barroca – Meus primeiros contatos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *