CASAL DANÇANDO EM PINTURA BAUERNMALEREI – 116

Olá, pessoal!

Hoje meu post entrou bem, bem mais tarde, que o normal… Que chato!
Eu estava em uma região sem nenhuma conexão com internet ou sinal de celular, nem adiantou eu me organizar e levar meu equipamento completo, sem conexão não há o que fazer, não é mesmo?

Minha viagem foi ótima, com alguns percalços, mas isso era até previsto. Depois conto para vocês com mais detalhes. De todo modo, já vou adiantando algumas coisas: eu estava na região serrana de Santa Catarina, e visitei várias cidades por lá, inclusive São Joaquim, cidade conhecida pelo frio intenso (chega a nevar por lá no inverno) e pela produção de maçãs. E por falar em maçãs, visitei a Festa Nacional da Maçã nessa cidade e até gravei uma entrevista para o Jornal Nacional, que acabou indo para o ar ontem (sábado), dá para acreditar? Foi bem legal!

Bem, chega de conversa, depois vou colcoar um post aqui só contando sobre a viagem.

Agora vamos à técnica do dia, que devido ao horário mais tarde de publicação, ficará no ar até mais tarde também:


Casal dançando em pintura bauernmalerei

Além das cidades da região serrana de Santa Catarina, eu estive também em Pomerode, uma cidade de colonização alemã, que fica próxima a Blumenau, no vale do Rio Itajaiaçu. Toda cidade é decorada com pinturas em estilo alemão, com a pintura Bauernmalerei, por isso acabei optando por colocar no post de hoje essa técnica.

Embora na pintura bauern os motivos florais sejam mais comuns, cenas do cotidiano do povo também são frequentemente retratadas, entre elas pessoas trabalhando no campo ou dançando, como no modelo acima.

Não vou me estender nas explicações da técnica, afinal já falei bastante sobre o Bauernmalerei em outras técnicas, mas já adianto para vocês, voltei de minha viagem com muita vontade de pintar bauern e cheia de ideias para novos projetos, por isso continuem me acompanhando, ok?

Um beijo e até amanhã, agora já em São Paulo…

Um comentário sobre “CASAL DANÇANDO EM PINTURA BAUERNMALEREI – 116

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *