Arquivo da tag: serigrafias

A Catarina vai chegar…

Olá, amigas (os), boa noite…

Estou aqui, em pleno finalzinho de domingo, tentando colocar algumas coisas em dia depois da semana cheia que eu tive… A vontade é escrever um montão de posts, recuperar os atrasos, colocar novidades em dia. Mas está um pouco complicado ainda, então vamos aos poucos…


Costurinhas…

Enquanto trabalhávamos no ateliê quinta e sexta, eu, a Lu Gastal e a Glaucia Macedo, a Lu pegou umas serigrafias minhas que estavam no show-romm do meu ateliê, aproveitou a máquina de costura e não teve dúvidas, preparou um monte de coisas bonitinhas para o chá de bebê para a Catarina, filha da funcionária da loja dela que chegará em breve…


Lu trabalhando

Estávamos fazendo as fotos de passo a passo da nossa revista juntas, e abri um espaço na sala de entrada do ateliê, tiramos as peças da mesa e ficamos por lá mesmo… Foi bom, descobri, ou melhor, confirmei, que minha sala tem uma luz muito boa, vou pintar por lá de vez em quando… Foi bom!


Mais ideias…

Fiquei encantada com a rapidez e a criatividade dela, que bolou umas “bandeirinhas” bem divertidas para enfeitar a loja. E mais ainda com as possibilidades… As serigrafias estão lá, é só bolar alguma coisa bacana com elas. Esse modelo com desenhos para bebês é bem versátil, já fiz álbuns, cartões, lembrancinhas… Vejam no link ao lado a gravura completa.


E mais ideias…

Eu já tinha costurado minhas serigrafias em papel para fazer páginas de scrap e tinha feito alguns cartões com tecidos, mas agora imaginei um montão de peças bacanas que irei fazer como a Lu, assim, sem muito trabalho, sem elaborar demais. É pegar e fazer…

Vejam no blog da Lu mais fotos, ela é muito criativa, e a decoração ficou bem legal…
http://www.lugastal.com.br


QUADRO COM COLAGEM DE SERIGRAFIAS

Olá, amigas (os), boa noite…

Passei o dia tentando escrever aqui, mas acabei não arrumando muito tempo, o negócio foi deixar para agora, bem a noitinha. Mas o que vale é a publicação, não?

Hoje eu trouxe uma sugestão de colagem com serigrafias, um quadro:


Uma paisagem com colagem

Esse trabalho eu fiz para o Prêmio Artesão do Ano, que aconteceu durante a Mega, em junho passado. Eu fui indicada para as categorias Decoupagem e Pintura Decorativa, e esse quadro foi o trabalho que enviei para a categoria Decoupagem.

A moldura, de MDF e com um quadrado rebaixado na parte central, foi pintado com tina acrílica decorativa branca, três demãos, intercalando secagem. Como a peça é de MDF, não é necessário lixar nem passar fundo ou base, podemos aplicar a tinta acrílica diretamente na peça.

Depois de pintar tudo de branco, fiz uma pátina lixada em tom de azul turquesa. Para fazer a pátina, dilua a tinta acrílica na cor desejada com água na proporção de 50% de tinta e 50% de água. Aplique a cor apenas na borda lateral da moldura, deixe secar bem e lixe com uma lixa 220, deixando aparecer parte do fundo branco. Limpe com um pano para retirar o pó.

Bem, aí é só recortar gravuras e colar, soltando a imaginação. Eu uso as minhas serigrafias, vocês estão cansadas (os) de saber, mas dá para fazer com qualquer tipo de figura, papel para decoupagem, foto de revista, papel para scrapbook, figurinhas de álbum, desenho feito a mão…


Mesmo trabalho, outra luz, outra foto…

Essa peça não é na verdade uma decoupagem. Acho que a gente fez muita confusão com essa técnica, com essa denominação. Esse é um trabalho de colagem. Decoupagem é quando a gente cola uma figura que se integra à peça, sem deixar que a gente saiba o que é colagem o que é a peça. E eu não faço esse tipo de trabalho, faço colagem mesmo.

Reconheço que adotei o nome decoupagem para facilitar, porque os trabalhos em revistas e TV são reconhecidos e catalogados assim, ninguém pede para você um trabalho de colagem, pedem sempre um trabalho de decouapagem. Mas eu acabo de decidir que vou adotar o nome correto daqui para frente. Quando eu, eventualmente, fizer uma decoupagem de verdade, irei chamar assim. Caso contrário, é colagem mesmo.

Só para esclarecer: eu usei várias serigrafias diferentes para fazer esse trabalho, gravuras em tamanhos diferentes, com temas diferentes. Como sempre uso o mesmo papel para minhas gravuras, o Debret 200g/m2 (gramatura), posso usá-las em conjunto, o acabamento fica perfeito. Isso porque se usarmos papéis diferentes, mais grossos ou finos, com ou sem brilho, pode ficar meio esquisito…

Ah, e para finalizar, algumas partes da colagem receberam a sobreposição de gravuras, coladas com fita banana. E esse trabalho que eu faço não é arte francesa, é colagem em sobreposição (ou 3D). Arte Francesa é quando as gravuras, exatamente iguais e coladas sobrepostas, são trabalhadas, modeladas, para ficar com volume e forma. No meu trabalho apenas colo as figuras umas sobre as outras.

É isso aí, pessoal, uma ideia, alguns esclarecimentos…
Beijos e até mais!